CHUCK, DAN E NATE DE 'GOSSIP GIRL' SÃO CAPA DE REVISTA GAY

"Acha que só as mulheres reparam nos rapazes de "Gossip Girl"? Nada disso... Tanto que a revista gay Out colocou o trio Chuck, Nate e Dan na capa de sua edição de março!

Seus intérpretes, os atores Ed Westwick, Chace Crawford e Penn Badgley, capricharam nas caras e bocas. Mas o ensaio é comportado e eles vestem um figurino semelhante ao da série: ternos e roupas sociais. Um luxo!

Em uma das imagens, o trio brinca com equipamento de esgrima, e o título da matéria faz piada: "A série pode se chamar Gossip Girl [Garota da Fofoca], mas são os garotos que chamam nossa atenção".

Quer conferir as fotos? É só clicar na nossa galeria!

Ouça agora o programa de rádio do Séries Etc. clicando aqui e venha deixar seus comentários no blog Legendado.

GOSSIP GIRL
Warner
quinta às 20h

 
por Series e Etc" Enviado por email (CNN gay).

Escrito por Epa RJ BR às 02h52
[] [envie esta mensagem] []



"Não há relação entre sexo e o ato de se travestir"

"da Folha Online 
 
Homossexuais que se vestem de mulher ou que fazem o estilo "machão". São estes os assuntos discutidos por Sérgio Ripardo e Hallan Moulin neste podcast.
Sérgio Ripardo, editor de Ilustrada da Folha Online e colunista de "Destaques GLS", e o blogueiro Hallan Moulin, do Xpoise.net, falam sobre a experiência de se fantasiarem com roupas femininas e sobre gays que parecem "pit boys". Ouça outros podcasts do "Destaques GLS".
 


O tema surgiu a partir da declaração de Ripardo sobre a divulgação de uma foto do Hallan vestido com trajes femininos, exibida em seu blog. "Um amigo disse que eu ficaria igualzinho a uma mulher", conta Hallan, que fez isso pela primeira vez durante o período de Carnaval.
Neste episódio, Ripardo e Hallan também revelam uma experiência em comum que tiveram na infância: os dois mexiam nos adereços de suas respectivas mães quando crianças, mas Ripardo diz que a atitude de se travestir não está relacionado à sexualidade. "Não há sexo envolvido no ato de se montar. De certa forma é uma homenagem para as mulheres", explica." Enviado por email (CNN gay).

Enfim, é importante mostrar para a sociedade que o ato de se travestir tem a ver com a identidade sexual de cada um, ou mesmo com o ato de arte; é bem diferente da orientação sexual, que tem a ver com sentimentos e a atração.



Escrito por Epa RJ BR às 02h50
[] [envie esta mensagem] []



Portal na internet para Lésbicas

"O Dykerama.com é um site de informação, entretenimento, moda, cultura, agenda de festas, dicas, entrevistas exclusivas, podcast, videocast, blogs, colunistas (Vange Leonel, Cilmara Bedaque, Sérgio Ripardo, Ava Gina Fonda, Regina Facchini, Dri Quedas e Marcela Mattos) e todas as novidades e assuntos (nacionais e internacionais) relacionados às bolachas e bissexuais femininas; Gays também tem seu lugar em nosso portal.

Confiram:
www.dykerama.com

Entrevista com Marcos Lacerda e seu livro recem lançado com a tematica gay:
http://www.dykerama.com/src/?mI=3&cID=32&iID=436" Enviado por email (CNN gay).

Escrito por Epa RJ BR às 02h46
[] [envie esta mensagem] []



Close-Up afirma não ter pedido que Rede Bandeirantes proibisse beijo gay em merchandising

"A Unilever Brasil, detentora da marca Close-Up, emitiu uma nota oficial nessa última quinta-feira, dia 7 de fevereiro, na qual afirma que em nenhum momento orientou a Rede Bandeirantes a proibir casais do mesmo sexo no merchandising ao vivo durante o Band Folia.

O posicionamento da Unilever se refere a denúncia feita pela Associação Brasileira de Gays, Lésbicas e Transgêneros (ABGLT) de que um repórter teria tido uma atitude discriminatória durante um comercial ao vivo da Close-Up.

Na ocasião o repórter Érico Aires chamou casais héteros para se beijarem e ganhar kits promocionais da Close-Up. Enquanto dois casais héteros já estavam ali, duas mulheres se aproximaram para se beijarem. Foi quando o repórter teria dito: "Duas mulheres, não. Mulher com mulher, não. Beijar mulher e mulher, não".   

No comunicado a Unilever esclarece que "como uma marca jovem, dinâmica, e que chega a milhares de pessoas diariamente, seria até um contra-senso restringir suas mensagens a determinados segmentos da sociedade".

"(...) A Close-up acredita na real conexão entre as pessoas e sabe que os verdadeiros encontros são os que valem. E isto, para Close up, está acima de qualquer discussão ou julgamento de valor a respeito da  orientação sexual das pessoas", diz a Unilever em outro trecho do comunicado.
 
por G Online" Enviado por email (CNN gay).



Categoria: Mídia
Escrito por Epa RJ BR às 02h44
[] [envie esta mensagem] []



Wikipedia cria o Wikiprojeto GLBT

"A Wikipédia, espécie de enciclopédia digital multilíngüe escrita majoritariamente por internautas, acaba de criar o "Wikiprojeto", visando oferecer artigos relacionados aos estudos GLBT e Queer.

Dentre as propostas do Wikiprojeto, destacam-se a identificação e categorização dos artigos GLBT e Queer já existentes na Wikipédia e o desenvolvimento de padrões para que um artigo GLBT ou Queer possa ser qualificado como excelente. Melhorias na qualidade dos artigos com temáticas GLBT já existentes também fazem parte das propostas do Wikiprojeto.

A página, inicialmente criada em espanhol, tem o "Barba" como mascote do projeto representando o fantasma do armário. Clique > aqui e acesse a página do Wikiprojeto.
 
por MixBrasil" Enviado por email (CNN gay).



Categoria: Mídia
Escrito por Epa RJ BR às 01h21
[] [envie esta mensagem] []



Beijo lésbico é censurado por repórter da Band no Carnaval de Salvador

"Beijar alguém na boca. Era o que se exigia para participar da promoção de um creme dental no Carnaval de Salvador. A Band transmitia a brincadeira em forma de merchandising ao vivo, mas na segunda-feira, dia 4 de fevereiro, uma surpresa. O repórter Érico Aires impediu o beijo de duas mulheres que queriam participar.

> A cena da censura foi transmitida ao vivo. "Duas mulheres não. Mulher com mulher, não. Beijar mulher e mulher, não" disse o repórter no momento em que as duas se preparavam para participar. Alguém da equipe de produção determinou que fosse encerrado o quadro o que todo mundo ouviu, mas mesmo depois de interrompida a transmissão do quadro, ouviu-se também quando o repórter disse: "vou arrumar dois homens pra vocês."

A reação da Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT) foi imediata. O presidente da entidade, Toni Reis, enviou carta para a Diretora Geral de Programação da Band, Elisabetta Zenatti, para o Diretor Nacional de Jornalismo, Fernando Mitre e para o Diretor Executivo Comercial, Marcelo Mainardi. "No ano em que o Brasil realiza sua I Conferência Nacional GLBT, convocada pelo Presidente da República, é inadmissível que uma emissora do porte da Bandeirantes apresente tal atitude discriminatória, que ofende a dignidade de milhares de cidadãos brasileiros" disse Reis em um dos trechos da carta.

A entidade considerou a atitude do repórter "discriminatória" e sugeriu à emissora que sejam revistas as formas de merchandising no sentido de que elas não tratem com preconceito gays e lésbicas. A Band ainda não se pronunciou sobre o caso.

 

da Redação do Toda Forma de Amor com informações da ABGLT" Enviado por email (CNN gay).

Vamos ver como vai ser a repercussão deste caso, né?



Escrito por Epa RJ BR às 01h20
[] [envie esta mensagem] []



Rede TV! fica em segundo lugar no Ibope com baile gay

"A emissora de Barueri (SP) atingiu 4,4 pontos de média, contra 3 da Record e 1 da Band, ficando apenas atrás da Globo na faixa das 23h37 às 2h32, de acordo com dados consolidados do Ibope na Grande São Paulo.
Monique Evans, Léo Áquila, Nélio Jr e a dupla Christian Pior e Robaldo Esperman, do "Pânico na TV", foram os responsáveis pela cobertura do baile gay, no Rio, durante os bastidores do Carnaval da emissora.
 
Eles entrevistaram os convidados do baile, principalmente transformistas fantasiados ou com pouca roupa. Na entrada do baile, havia até um espaço para a dança do poste. Devido à chuva, houve escorregões. Os entrevistados tinham de mostrar a fantasia, o corpo e até sambar diante das câmeras.
 
por Folha Online" Enviado por email (CNN gay).

Escrito por Epa RJ BR às 01h18
[] [envie esta mensagem] []



Edson Cordeiro se apresenta em festival de cinema de Berlim

"No próximo dia 14 de fevereiro o cantor Edson Cordeiro se apresentará no 22º Festival de Cinema Teedy Queer Film Awards, um dos mais importantes de Berlim no segmento GLS.

Ele fará homenagem ao cantor alemão Klaus Naomi, que morreu na década de 80, com a ária de ópera "Cold Song", de Henry Purcel, compositor inglês do século 17.
 
A cerimônia será gravada e transmitida no dia seguinte pelo Canal Arte. Após a premiação haverá uma festa no clube Bangaloo.
 
Morando na Europa, o cantor planeja uma viagem ao Brasil no próximo mês. Ele quer aproveitar para encontrar sua família e ensaiar com músicos brasileiros para a temporada que fará em Munique ( Alemanha), nos meses de outubro, novembro e dezembro deste ano.
 
O projeto terá como anfitrião o craque do futebol Giovane Elber, que jogou no Bayer, de Munique e é um dos jogadores mais queridos na Alemanha. Quem assinará a produção musical desse evento será o maestro Miguel Briamonte.

por Folha Online" Enviado por email (CNN gay).



Escrito por Epa RJ BR às 01h17
[] [envie esta mensagem] []



GDN elege mulher para gestão 2008

"Após quatro anos de lutas e conquistas, os membros do GDN - Grupo Diversidade Niterói decidiram renovar a diretoria, elegendo uma mulher para a presidência. Graziela Cupello foi eleita para a gestão de 2008-2009 e Rosiléia Marques eleita para o cargo de Secretária Geral. >

A antiga diretoria do GDN se sente honrada por ter realizado um trabalho inédito na busca por uma Niterói justa e solidária, e acredita que a próxima gestão será marcada pela continuação dos bons projetos desenvolvidos.

Graziela Cupello - Presidente
Rosiléia Marques - Secretária Geral
Renato Valiengo - Diretor Financeiro
 
por Mixbrasil" Enviado por email (CNN gay).

Boa gestão às eleitas e a eleito.



Escrito por Epa RJ BR às 01h15
[] [envie esta mensagem] []



Seriado: Ítalo Rossi entra no elenco de Toma Lá

"O elenco de Toma lá, dá cá deve ganhar um reforço bastante especial na segunda temporada da atração, prevista para estrear no segundo trimestre de 2008.

Segundo o jornal O Globo, é o veterano Ítalo Rossi, que deve participar do seriado como Ladir, marido de dona Álvara (interpretada por Stella Miranda). O personagem será gay, mas vai fazer o tipo “machão” o tempo todo.

O seriado, de autoria de Miguel Falabella, estaria previsto para voltar à grade da Globo em novo dia. Não mais às terças, Toma lá... entraria aos domingos, logo depois do > Fantástico.

por Estrelando" Enviado por email (CNN gay).

Escrito por Epa RJ BR às 01h02
[] [envie esta mensagem] []



A MAIOR FESTA VAMPIRA DO BRASIL EM CAMPO GRANDE/RJ

"VAMPARTY e UP apresentam

A PRIMEIRA RAVE UNDERGROUND do RJ

3000 Pessoas 10 Horas de festa!

8 Bandas + 8 DJs

Num sítio totalmente MÁGICO
Arborizado, vários pavimentos e ambientes

Sexta 22/02, das 22h as 8h, em Campo Grande/RJ


Niver oficial de 3 anos
do portal RIO UNDERGROUND

Palco RIO UNDERGROUND
Sob o comando de MARCEL SANTOS

Five Against One - System of a Down
Sexy Scythe - Ozzy / Iron Maiden
Santuarium - Metallica
Mehr Wein - Rammstein

Pink Hell - Metalcore
Concave - PopPunk
Aversão 4 - New Metal
Attitud - Rock

DJs 1

TOXIC
INCUBUS
PSYKO PROJECT
ZUZUBA

EBM Dark Electro Noise PsyTrance

DJs 2

RYPPER
GP
ROGER SPY
KURINGA

Goth Industrial Post Punk Rock 80`s 90`s J Rock New Age


2 Dark Room 2 Bares RPG LIVE ACTION

Lista de desconto na comunidade:
R$8,00

Local: KASTELO DRINK HALL
Estrada do Monteiro 736
Campo Grande - RJ
na rua em frente ao Brito Móveis próximo ao Habibs


por CNNgay" Enviado por email (CNN gay).

Escrito por Epa RJ BR às 00h11
[] [envie esta mensagem] []



Pesquisa diz que portadores do HIV em tratamento podem transar sem camisinha

"A Comissão Nacional Suíça da Aids está provocando polêmica depois de anunciar que portadores do vírus HIV submetidos a um eficaz tratamento anti-retroviral podem fazer sexo sem camisinha, sem correr o risco de contaminar o parceiro. De acordo com o divulgado esta semana no Boletim Médico Suíço, a proposta só vale para quem responde bem aos medicamentos tomados para combater o vírus e que não tenham outras doenças sexualmente transmissíveis.

Os cientistas suíços basearam-se num estudo feito em 1999, pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças. Segundo a tal pesquisa, o poder de transmissão do HIV depende muito da carga viral presente no organismo e, nos pacientes em terapia anti-vírus, o mesmo não pode ser detectado nos fluidos genitais. Para Pietro Vernazza, pesquisador do Hospital Cantonal de St. Gallen e um dos autores do controverso relatório, "a evidência mais gritante é a ausência de qualquer transmissão documentada de um paciente em terapia anti-retroviral".

A notícia pode ser animadora, mas deve ser encarada com sobriedade, já que ainda não há um consenso entre os especialistas e, em se tratando da saúde, todo cuidado é pouco e não vale a pena correr riscos. Até porque a Organização Mundial da Saúde afirmou que as provas do estudo suíço ainda não são conclusivas e é impossível garantir que ninguém será infectado se transar desprotegidamente com parceiros soropositivos, mesmo os que estão em tratamento.

Então, fica o recado: até segunda ordem, camisinha continua sendo a melhor opção para transar sem encanações. >

 
por XXY" Enviado por email (CNN gay).



Categoria: Saúde
Escrito por Epa RJ BR às 00h08
[] [envie esta mensagem] []



Jake Gyllenhall presta homenagem a Heath Ledger em filme

"O ator Jake Gyllenhall prestou uma singela, mas emocionante homenagem no filme Brothers ao seu amigo Heath Ledger, falecido no último dia 22 de janeiro.

Gyllenhall, que formou um par romântico gay com Heath Ledger no filme O Segredo de Brokeback Mountain, aproveita uma cena de Brothers quando o seu personagem vai para a prisão para tirar do bolso uma foto do amigo e colocar na parede da cela.

”Todos os prisioneiros deveriam pendurar as fotos das pessoas que amam em suas celas”, disse o ator.

Uma fonte ligada à produção disse que foi um momento muito bonito. “Foi um momento divertido e muito bonito. Agora, relembrar isso, é tocante. Jake está sofrendo mais que as outras pessoas. Ele passou por um grande trauma com a perda de Ledger”, disse a fonte.

 



Categoria: Celebridades
Escrito por Epa RJ BR às 00h06
[] [envie esta mensagem] []



Carnaval é destaque da revista A Capa; décima edição saiu em 25/1

"Os arquivos da revista  foram enviados ontem para a gráfica. Após muito suor nesses dias chuvosos e frios de verão paulistano fechamos mais uma edição da revista A Capa. Foi drámatica, mas saiu. Atrasada, bem atrasada, mas saiu. A edição dez já está no forno e começou a ser distribuída na sexta-feira, 25/1. Em pleno feriado de aniversário de São Paulo.

Os destaques dessa edição? São muitos. No primeiro número da revista perguntávamos qual era o destino dos gays no carnaval: Rio ou Floripa? Tinha matéria contando um pouco da delícia de cada uma das cidades. Hoje, quase um ano depois os ventos decidiram mudar de direção e Florianópolis promete abalar no carnaval.

Na matéria de saúde nós falamos de uma nova vaidade masculina. Gays andam colocando implantes de silicone na bunda. Para começar o ano bem fomos atrás de festas. Falamos com organizadores e freqüentadores de dois nichos distintos mas que andam despertando a atenção por aí. Primeiro o clã da festa sunrise, que acontece em um iate. Descobrimos também os bafos das festas lésbicas Tête-à-tête e Chá com Bolachas. >

Falamos também de cultura com uma matéria especial sobre o longa argentino XXY, que estréia em fevereiro.

Ficou interessado? Você pode receber a Revista A Capa na sua casa. Quer saber como? Clique aqui e descubra!
 
por Acapa" Enviado por email (CNN gay).



Categoria: Mídia
Escrito por Epa RJ BR às 00h04
[] [envie esta mensagem] []



Falta de higiene eleva incidência de câncer de pênis no Brasil

"A falta de higiene entre os homens pode levar a  uma doença muito comum e pouco divulgada: o câncer de pênis. A Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) alertou para a importância de divulgar a necessidade higiene entre os homens de todas as idades >
Segundo o presidente da SBU, José Carlos de Almeida, os homens com fimose podem se enquadrar no grupo de risco para câncer do pênis. Por fimose, entende-se a dificuldade  ou impossibilidade de expor a glande (cabeça do pênis) porque a pele que a recobre tem um anel muito estreito. Normalmente, esse problema se resolve com uma cirurgia feita ainda na infância.

“Aquela criança com fimose que não opera, que mora em local às vezes com pouco acesso a profissionais de saúde, vai chegar aos 45 ou 50 anos e vai  aparecer ali um câncer de pênis. Porque aquela glande nunca foi exposta e nunca foi higienizada”, explicou o especialista.
 
Almeida disse que a fimose não permite que se lave adequadamente a glande, porque ela está toda coberta por uma pele. “Então, aquelas secreções e elementos produzidos pelas glândulas jamais saem dali. E  aquilo, ao longo do tempo, é um grande fator  para o câncer de pênis”.
 
O presidente da SBU afirmou que essa doença não devia existir. “Na verdade, é uma doença completamente evitável com educação, com higiene e com diagnóstico da fimose. Operando a fimose, você está gerando uma prevenção do câncer de pênis”, garantiu.
 
O Brasil é um dos líderes mundiais na incidência de câncer de pênis, depois da Índia e  da África. No Brasil,  a relação  é de um caso para 100 mil habitantes. Na Índia, a incidência é de 3,32 casos para 100 mil habitantes. A menor incidência  é encontrada entre os judeus nascidos em Israel, próxima a zero. A circuncisão néo-natal, isto é, feita na criança,  reduz  em quatro vezes a chance de o indivíduo contrair essa doença.
 
O presidente da SBU declarou que todo esforço deve ser feito para erradicar a doença do Brasil. “Temos que abolir  [o câncer de pênis] da nossa realidade, porque é um termômetro muito ruim para o perfil de um país”. Ele revelou que na Europa e Estados Unidos, essa doença aparece de forma muito esporádica. “Nós temos que dar uma dignidade maior a esse paciente e ao país, eliminando essa doença do cenário nacional”, sugeriu. >
 
José Carlos de Almeida informou que  os números  disponíveis sobre a incidência dessa doença no Brasil não correspondem à realidade. “Os números  são muito aquém da realidade. São em torno de 1,1 mil amputações por ano nos homens, totais ou parciais, em função do câncer de pênis”. Os casos de amputação aumentam 10%  a cada ano no Brasil. 
 
 
O presidente da SBU disse, ainda,  que  a divulgação da doença é problemática porque as grandes regiões que  registram casos de câncer de pênis  têm dificuldade de fazer as notificações.  “Nós acreditamos que exista muito  paciente com câncer de pênis  sem estar  sendo notificado”, avaliou.
 
A maior incidência da doença é no Nordeste e, dentro da região, a maior prevalência é no estado do Maranhão, associada à falta de higiene e ao aspecto da presença da fimose.  "A fimose é o grande fator anatômico que impede o paciente de higienizar o pênis. A grande maioria dos pacientes  que tem  câncer de pênis  é portadora de fimose, está já idosa e nunca teve  condição de expor a glande para poder higienizar”, revelou o urologista.
 
Almeida defendeu que a urologia possa atuar na prevenção dessa doença em harmonia com a assistência básica à população. Ele acredita que a criação agora, pelo Ministério da Saúde, de um setor  específico de atenção à  saúde do homem  pode “revolucionar o papel da urologia  e do paciente urológico, principalmente no Sistema Único de Saúde (SUS), porque a urologia depende de infra-estrutura e aparelhos para funcionar e ser uma especialidade plena”. 
 
 
Na avaliação do presidente da SBU, a urologia  poderá contribuir com o ministério nesse setor da saúde do homem, em especial  no que se refere a doenças pouco divulgadas e pouco tratadas da forma que deveriam. Entre elas, destacou o câncer de pênis e as doenças genitais masculinas. >
 
Fonte: ABr" Enviado por email (CNN gay).

É, gente, vamos cuidar de nosso intrumento de prazer porque sem ele não somos ninguém. Além disso, um pouco de higiene não faz mal a ninguém, né?



Categoria: Saúde
Escrito por Epa RJ BR às 00h02
[] [envie esta mensagem] []



Guia gay bilíngüe reúne 49 endereços imperdíveis no Rio

"RIO DIFERENTE Longe de ser um roteiro de "pegação", livro tem dicas valiosas e seleção de fotos de Alair Gomes

 

EDUARDO SIMÕES
DA REPORTAGEM LOCAL

Verão no Rio de Janeiro. Você é menino que gosta de meninos ou menina que gosta de meninas, entre outras combinações, e não sabe aonde ir?
Do café da manhã à praia, do ensaio de escola de samba à balada, o recém-lançado guia "Rio Diferente" sugere 49 endereços para você encontrar a sua turma na Cidade Maravilhosa. Não se trata, porém, de um roteiro óbvio da "pegação" carioca -os próprios autores, os jornalistas Jefferson Lessa e Gustavo Leitão fizeram questão de excluir endereços de saunas e "cruising areas" (lugares onde se vai um pouco além do flerte) para ressaltar o caráter "gay friendly" da cidade. Sobretudo no verão. Não que faltem dicas de bares, como o tradicional boteco Bofetada, cujos freqüentadores conseguem fechar o trânsito da rua Farme de Amoedo, em Ipanema, nos fins de semana e no Carnaval. Ou de baladas, da sofisticada The Week carioca ao Buraco da Lacraia, apelido infame para o Star's Club, onde se paga apenas para entrar -a cerveja é liberada a noite toda.
Oportuno, o guia traz ainda dicas da escola de samba mais "simpatizante" do carnaval carioca: a Unidos da Tijuca, com ensaios que pegam fogo nas imediações da estação Leopoldina. Também sugere onde se vestir bem (as lojas Complexo B, em Copacabana, Contemporâneo, em Ipanema, e Babilônia Feira Hype, na Gávea), e ainda brechós e afins. >
No capítulo "I Will Survive", alusão ao hit gay de Gloria Gaynor, o guia faz recomendações para "sobreviver" aos perigos que tanta tentação pode oferecer (como o famigerado golpe "Boa Noite, Cinderela"), telefones de emergência etc.
Com edição primorosa e bilíngüe (português e inglês), o livro deve resistir melhor ao tempo do que muitos guias do gênero. Em parte, graças à seleção de fotografias, de nomes como Bruno Veiga (Parada Gay 2007), Gustavo Malheiros (Carnaval de rua do Rio) e Luciana Avellar. Na série Cidade-Postal, a fotógrafa Luciana Avellar faz uma bem-humorada homenagem gay aos cartões-postais do Rio: uma drag flamenguista posa no Maracanã, outra sobe o bondinho do Pão de Açúcar como Carmen Miranda.

Meninos do Rio
A cereja no bolo de "Rio Diferente" certamente fica a cargo de uma seleção de nove fotos do fotógrafo, professor e crítico de arte Alair Gomes (1921-1992), cedidas pela Biblioteca Nacional. São registros de "meninos do Rio" se exercitando ou praticando algum esporte na Ipanema dos anos 70. Em preto e branco, as fotos de fortes tons homoeróticos têm um quê documental e voyeur, marca registrada de Alair Gomes. O que torna o guia ainda mais diferente.

GUIA RIO DIFERENTE

Autores: Gustavo Leitão e Jefferson Lessa
Direção de arte: Christiano Menezes e Chico de Assis
Editora: Inquilinos e Aeroplano
Quanto: R$ 52 (192 págs.)
Avaliação: ótimo

 
por Folha de São Paulo" Enviado por email (CNN gay).

É saber onde fica e ir para lá e aproveitar.



Escrito por Epa RJ BR às 00h00
[] [envie esta mensagem] []



Jornalistas gays desembarcam no Brasil para fazer matérias de turismo

"Três jornalistas de publicações gays da Alemanha, Estados Unidos e Reino Unido aportaram no Brasil para fazer matérias de turismo sobre o país. O representante americano, Dennis Hensley, escreve para a revista The Advocate e PlanetOut e para o site gay.com. Já Dirk Baumgartl é repórter da Spartacus e da Maenner. Matt Miles escreve para AXM e Gay Times Magazine.

A vinda da imprensa gay internacional ao Brasil não é por acaso. A Associação Brasileira de Turismo GLS - ABRAT GLS - desde o ano passado vem fazendo um honroso trabalho de formiguinha em parceria com a EMBRATUR - e alguns associados como TAM, Santur, NH, Sofitel e G Brazil entre outros - para trazer os mais importantes meios de comunicação GLS do mundo.

Resultados dessas parcerias foram as vindas da BUMP TV, LOGO (da MTV), Passport (revista especializada em turismo GLS), e Têtu (a mais importante publicação francesa) entre outras.

Pode não parecer, mas o impacto disso é enorme. Em muitas pesquisas internacionais o Brasil já vem sendo apontado como um dos principais destinos dos turistas gays e lésbicas ao redor do mundo.

Agora fica faltando fazer uma boa lição de casa que inclui a capacitação dos equipamentos turísticos e a legalidade, ou seja, leis anti-discriminação e que estabeleçam direitos iguais.
 
por Acapa" Enviado por email(CN gay).

Escrito por Epa RJ BR às 03h13
[] [envie esta mensagem] []



JUNIOR::3 nas bancas

"Revista chega avermelhando as bancas de São Paulo nesta sexta-feira. Confira os highlights da edição

 


Com Igor Peixoto lindo lindo lindo na capa toda vermelha, a terceira edição da revista JUNIOR chega nesta sexta-feira, 01/02, às bancas de São Paulo. Na próxima semana ela estará nas outras capitais brasileiras.

Com 132 páginas, a maior novidade da JUNIOR é seu novo papel, que agora vem com gloss (aquele brilhinho) dando um up nas imagens. Outra diferença é no formato, um pouco mais estreito que suas duas primeiras edições.

Entre as matérias da revista, um quem-é-quem no influente mundo da blogosfera; entrevista com o cantor gay norte-americano Ari Gold; um papo solto com o ator Igor Cotrim, que interpreta a travesti Madona no filme Elvis e Madona, uma matéria super linda com o grupo Gay Bikers SP e seus "atletas"; entrevistão com o Dzi Croquette Ciro Barcellos contando seu respeitável acervo de memórias sexuais. Nos editoriais - são 9, dois deles gringos - destaca-se o "Nós", inspirado pelo universo do bondage; outro de tatuagens fotografado por Murillo Meirelles no Rio de Janeiro com oito modelos; o "Woof" assinado pelo norte-americano Mike Smarro famoso por fotografar ursos como modelos; além do íncrivel ensaio de capa, com Igor Macedo fotografado por Didio.

A revista chega às bancas por 12 reias. Boa leitura. Veja algumas das imagens no álbum.
  
por MixBrasil" Enviado por email (CNN gay).



Categoria: Mídia
Escrito por Epa RJ BR às 03h11
[] [envie esta mensagem] []



Rede TV! aposta em nudez e Carnaval trash com travesti e gafes

"A Rede TV! começou sua cobertura especial do Carnaval. A aposta é no conteúdo trash dos chamados "bastidores" na madrugada. O travesti Léo Áquila aparece como repórter com a missão de mostrar o derrière de "beldades", como a atriz pornô Márcia Imperador, que chegam para desfilar no Anhembi (SP). No estúdio, o fofoqueiro Nelson Rubens só repete o bordão "ok, ok" e, a todo momento, deixa escapar o áudio sobre o número da câmera que o focaliza.
Os seios fartos de Sabrina Boing Boing fazem a festa da emissora. A fantasia ficou pequena, e Sabrina teve de improvisar pintando uma estrela para cobrir suas mamas. Já a modelo Ângela Bismark aparece cobrindo os olhos com uma máscara, fazendo suspense sobre o resultado de uma nova cirurgia plástica de "orientalização". Ela se submeteu a uma operação para puxar os olhos "em homenagem ao centenário da imigração japonesa" feita por sua escola de samba. Nada demais para quem diz já ter feito mais de 40 cirurgias plásticas ("Estou no Guiness, o livro dos recordes"). >
 
Os momentos mais constrangedores são os de mostrar o "samba no pé". Quase ninguém sabe dançar --a começar pelas modelos contratadas pela emissora para sacudir as ancas e os braços atrás dos apresentadores.
 
Léo Áquila, que prefere ser chamado de "drag queen", dá uma bronca em uma entrevistada que pronunciou erroneamente seu nome. Ele também usa as próprias mãos para levantar as penas da fantasia para mostrar as nádegas de uma modelo.
Ciente do que a emissora de Barueri (Grande SP) espera exibir, uma modelo tenta prestigiar Léo Áquila anunciando um "furo de reportagem": ela ficará nua para ter seu corpo pintado em um camarote no sambódromo.

por Folha Online" Enviado por email (CNN gay).



Escrito por Epa RJ BR às 03h09
[] [envie esta mensagem] []



[ ver mensagens anteriores ]





Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, Homem, de 26 a 35 anos, Portuguese, English, Informática e Internet, Cinema e vídeo, Jornais e Revistas
MSN - Pergunte



Histórico
Categorias
Todas as mensagens
Celebridades
Saúde
Livros
Mídia
Movimento GLBT


Votação
Dê uma nota para meu blog


Outros sites
Plantão do Mastro
Usina Elmond - Romances de Diversidade Sexual
Grupo Arco-Íris de Conscientização Homossexual
ABGLT - Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais
Gay Brasil
Guia Gay Brasil
ABRAT GLS - Associação Brasileira de Turismo para Gays, Lésbicas e Simpatizantes
Armário X
GGB - Grupo Gay da Bahia
Mix Brasil
A Capa - Notícias
G Magazine online
GLS Planet
UOL Gay
Feira Moderna - Arte Homoerótica
Edições GLS - Grupo Summus
CNN Gay - Notícias
Cena Carioca
Adriana Nunan - Psicóloga
Rádio Web Circuito Mix
GLX
Klecius Borges - Terapeuta afirmativo para Gays, Lésbicas e Bissexuais
Gay Travel Brasil
G Brasil Turismo
Rio Gay Brasil - Turismo Gay
Boite1140 - Jacarepaguá
Boite Dama de Ferro - Ipanema
Galeria Café - Ipanema
Boate La Cueva - Copacabana
Boite Le Boy - Copacabana
Boite La Girl - Copacabana
Boite Cine Ideal - Centro
Boite Papa G - Madureira
ABIA - Associação Brasileira Interdisciplinar de AIDS
Café Cuba - Rio das Ostras
Up Turn Bar - Barra da Tijuca
Jornal O Sexo